Não pode treinar? Imagine o movimento e surpreenda-se!
Você está no meio de uma sequência de treinos, mas por qualquer motivo em um dia específico não pode se exercitar? Não se desespere, a planilha não está não está comprometida nem os esforços anteriores perdidos: seu cérebro poder ajudar seus músculos – e praticamente zerar os prejuízos. Como? Basta usar o poder da imaginação! O médico Vinoth Ranganathan, coordenador de uma equipe de pesquisadores da Clínica Cleveland, em Ohio, Estados Unidos, descobriu que mentalizar a prática de um exercício físico, com o máximo de detalhes possível, é eficaz para aumentar a força e o condicionamento musculares.
Para chegar a essa conclusão, Ranganathan e seus colegas pediram a 30 voluntários, todos adultos saudáveis, que imaginassem da forma mais intensa e vívida que estavam curvando sempre um mesmo do mínimo de uma das mãos. A mentalização foi realizada durante 15 minutos, cinco dias por semana, durante três meses. Após esse período, os cientistas realizaram testes de força e constataram que a resistência do dedinho exercitado pela força do pensamento havia aumentado em média 35%, em comparação ao período anterior ao início do experimento. Tomografias revelaram que áreas frontais do cérebro, envolvidas na preparação do movimento, se tornam mais ativas quando as pessoas imaginavam os gestos em quanto mais se prendiam a detalhes visuais e sensações, mais obtinham resposta neural. Segundo os pesquisadores, aparentemente o aumento da força se deve à ligação direta existente entre músculos e cérebro. Obviamente não é suficiente apenas ficar deitadinho numa rede imaginando o treino completo para disputar uma maratona, mas com certeza o cérebro pode ser um importante aliado nessa jornada.

Você está no meio de uma sequência de treinos, mas por qualquer motivo em um dia específico não pode se exercitar? Não se desespere, a planilha não está não está comprometida nem os esforços anteriores perdidos: seu cérebro poder ajudar seus músculos – e praticamente zerar os prejuízos. Como? Basta usar o poder da imaginação! O médico Vinoth Ranganathan, coordenador de uma equipe de pesquisadores da Clínica Cleveland, em Ohio, Estados Unidos, descobriu que mentalizar a prática de um exercício físico, com o máximo de detalhes possível, é eficaz para aumentar a força e o condicionamento musculares.

Para chegar a essa conclusão, Ranganathan e seus colegas pediram a 30 voluntários, todos adultos saudáveis, que imaginassem da forma mais intensa e vívida que estavam curvando sempre um mesmo do mínimo de uma das mãos. A mentalização foi realizada durante 15 minutos, cinco dias por semana, durante três meses. Após esse período, os cientistas realizaram testes de força e constataram que a resistência do dedinho exercitado pela força do pensamento havia aumentado em média 35%, em comparação ao período anterior ao início do experimento. Tomografias revelaram que áreas frontais do cérebro, envolvidas na preparação do movimento, se tornam mais ativas quando as pessoas imaginavam os gestos em quanto mais se prendiam a detalhes visuais e sensações, mais obtinham resposta neural. Segundo os pesquisadores, aparentemente o aumento da força se deve à ligação direta existente entre músculos e cérebro. Obviamente não é suficiente apenas ficar deitadinho numa rede imaginando o treino completo para disputar uma maratona, mas com certeza o cérebro pode ser um importante aliado nessa jornada.