Realizada no último dia 07 de abril, a edição 2019 da tradicional maratona paulistana contou com mais de 14 mil inscritos nas distâncias de 5 km, 21 km e 42 km. Neste ano o evento trouxe novidades como a alteração no percurso (leia mais aqui), largada mais cedo e um pódio repleto de estreantes na prova. Confira os resultados:

Maratona (42 km)
Masculino
1) Kimani Pharis Irungu (QUE), 2h18min32seg
2) David Kiprono Metto (QUE) 2h18min38seg
3) Feleke Darsema Tulu (ETH), 2h19min01seg
4) Kiplimo Stephen (QUE), 2h19min32seg
5) Pietro Mamu Shaku (ERI), 2h19min33seg

Feminino
1) Sifan Melaku Demise (ETH), 2h35min03seg
2) Salome Jerono Biwot (QUE), 2h37min32seg
3) Genet Getaneh Wendimagegnehu (ETH), 2h37min55seg
4) Faith Jeruto Chemaoi (QUE), 2h40min43seg
5) Gadise Mulu Demissie (ETH), 2h40min53seg

Meia Maratona (21 km)
Masculino
1) Leonardo Santana de Olinda (BRA), 1h14min25seg
2) Ronielson Tenorio da Silva (BRA), 1h14min55seg
3) João Roberto Oliveira da Silva (BRA), 1h15min23seg
4) Fabio Cintra Mora (BRA), 1h16min10seg
5) Fabricio Vieira Pereira (BRA), 1h17min07seg

Feminino
1) Alice Yuri Lima Fonseca (BRA), 1h31min35seg
2) Silmara Izidora Modesto (BRA), 1h34min22seg
3) Ana Luiz dos Anjos Gracez (BRA), 1h37min49seg
4) Marcia dos Santos Possari (BRA), 1h38min36seg
5) Fabia Monique (BRA), 1h38min26seg

Melhores tempos
Ao longo de sua história, a prova conseguiu tempos bastante expressivos, com destaque para o feito do brasileiro Vanderlei Cordeiro de Lima (BRA), que estabeleceu o recorde em 2002, com 2h11min19seg, e a queniana, Rumokol Chepkanan, com 2h31min31seg, em 2012. Também conseguiram tempos expressivos no masculino os quenianos Stanley Biwot, com 2h11min21seg, em 2010, e David Kemboi (QUE), com 2h11min53, em 2011. No feminino ainda se destacaram a queniana Carolyne Komen, com 2h35min51seg, em 2015, e marroquina Samira Raif, com 2h36min01, em 2011.