Além de ultramaratonista de montanha, campeão de várias provas de trail, Fernando Nazário é professor universitário, preparador físico, personal trainer da Assessoria Science Fitness Club (Uberlândia/MG) e mestre em Educação Física na área de Aspectos Biodinâmicos e Metabólicos do Exercício Físico. Pedimos ao treinador algumas orientações de treinamento e estratégia de prova para quem quer correr em trilha. Confira:

1. Ame correr na montanha
A natureza é muito maior que qualquer pódio. Agradeça por estar ali .

2. Treinamento
Procure um treinador com experiências em corrida em trilha. Os treinos se tornarão mais eficientes e precisos.

3. Provas
Escolha sempre a distância correspondente ao volume de treinamento que você tem disponível durante a semana. Antes de se inscrever em alguma competição, verifique a sua disponibilidade em treinar. fazendo isso, escolha a distância e locais de prova. Correr em meio a natureza requer responsabilidade individual e socioambiental.

4. Nutrição
Na natureza, a umidade e o maior esforço irão aumentar a demanda metabólica e desidratação do corpo. Você precisará de uma maior quantidade de água, isotônicos e alimentos bem específicos para a montanha. Uma estratégia errada na alimentação colocará em risco até mesmo sua continuidade na prova. Procure nutricionistas especializados no esporte.

5. Equipamentos obrigatórios
Mochila, lanterna, roupas e tênis apropriados para modalidade. Diferentemente da corrida de rua, na trilha é vital observar o uso dos equipamentos e acessórios sugeridos pela organização do evento. Converse com treinadores e atletas experientes para melhor indicação do calçado. Verifique se sua próxima competição será com muito barro e terreno muito irregular para melhor escolha do equipamento. Uma boa tração trará segurança para as subidas e descidas.

6. Confiança
Acredite no seu potencial! Aprenda a se esforçar nos treinos específicos em montanha, para compreender melhor as reações de dor e problemas físicos que você enfrentará no meio de uma prova. Passando por essa experiência, saberá o momento certo de acelerar, ou não, nas montanhas.

7. Segurança
Caso não tenha experiência, nunca entre ou saia para a montanha sozinho. Avise sempre alguém a rota que irá percorrer. Verifique as condições do tempo, principalmente para os treinos longos, pois na montanha o clima é bem instável, muda em questão de segundos. Verifique se é alérgico a picada de insetos, para levar os anti-alérgicos próprios e outros itens médicos (fale com seu médico). Leve purificador de água e nunca esqueça a manta térmica (cobertor de alumínio).

8. Respeito
Respeite a natureza, não quebre árvores ou jogue lixo na mata, alguns animais podem comer esses dejetos e acabar morrendo. Seja um agente ambiental monitorando os locais que sempre treina e compete. Caso verifique algo errado, avise aos órgãos responsáveis. Respeite seus limites físicos e quando ultrapassar a linha de chegada. Agradeça a saúde e força que você tem. Considere-se um vitorioso acima de tudo. Compartilhe suas experiências e seja um influenciador da vida saudável na natureza.