Ele foi uma criança doente e franzina. Decidido a torna-se fisicamente forte, Joseph Pilates criou seu próprio método de treinamento, por volta dos anos 20 do século passado. Passados quase um século da sua criação, os exercícios desenvolvidos pelo alemão são utilizados por todos aqueles que almejam conquistar corpo e mente saudáveis.

Entre os corredores, o Pilates (o programa ficou conhecido pelo sobrenome de seu criador) também conquista adeptos, pois ajuda a controlar movimentos e definir músculos, fundamentais na prática da corrida. A mineira Adriana Carvalho, que corre há 7 anos, adotou o Pilates ano passado e enumera vantagens: “hoje tenho uma musculatura melhor preparada, consequentemente o cansaço é menor após treinos e provas. Além disso, percebo que melhorou minha concentração na mecânica da corrida, dou mais atenção à postura, aos movimentos dos braços, ao alinhamento da cabeça e pescoço”.

Para o paraense Welber Mendes, o método auxiliou em sua preparação para a Maratona de São Paulo, que ele acaba de participar. Em 3 meses de exercícios, ele sentiu “toda a estrutura do corpo fortalecida, principalmente o abdômen, o que me ajudou na postura e propiciou correr por mais tempo sem sentir fadiga muscular”.

Juliano Francisco, de Presidente Wenceslau, e o paulista Rodrigo Moraes, destacam outro benefício importante que o Pilates proporciona aos corredores: a respiração, que passa a ser executada corretamente, auxiliando na melhor performance.  Para José Fernando do Amaral, o método foi fundamental em seu retorno aos treinos. Depois de descobrir um problema na região lombar, ele iniciou as sessões por recomendação médica. “Apesar de fazer poucos meses que comecei,  já senti resultados. Não tive mais crises de dores e voltei a correr normalmente, inclusive participei da Volta à Ilha recentemente”, conta atleta.

Benefícios
  • Melhora a postura
  • Define a musculatura corporal
  • Favorece a força e flexibilidade
  • Alivia dores lombares
  • Aumenta massa muscular
  • Diminui tensão e cansaço
  • Combate o estresse
  • Treina a concentração
  • Otimiza o desempenho esportivo
Saiba mais
  • Trazido para o Brasil no final da década de 90, pelas professoras Inélia Garcia e Alessandra Tegoni, o método tem influências de artes marciais, yoga, zen budismo e exercícios greco-romanos.
  • Baseia-se em seis princípios básicos: respiração, concentração, controle, alinhamento, centralização e integração de movimentos.
  • São exercícios de alongamento e força que se utilizam do próprio peso corporal na execução.
Serviço: Onde praticar
  • São Paulo

–          Studio Ready 4 – (11) 3798.7711 – www.ready4.com.br

–          Instituto Branca Esportes –  (11) 2768.7796 – www.facebook.com/institutobrancaesportes

  • Rio de Janeiro

–          Pilates Ipanema – (21) 3813.7290 – www.pilatesipanema.com.br

Mais informações: www.pilates.com.br